Scroll to top

Novas oportunidades para universidades brasileiras – Fundos Endowments


Sem comentários

Você já ouviu falar em Fundos Endowments?

Também chamados de Fundos Patrimoniais ou Fundos Filantrópicos, são formados a partir de um montante inicial – proveniente de uma doação de recursos ou bens – que é investido com o objetivo de ter seus rendimentos revertidos em benefício de universidades, escolas, hospitais, museus, projetos sociais e outras iniciativas de impacto social.

“A experiência internacional mostra que fundos patrimoniais representam fonte importante de receita para instituições públicas, em especial doações para universidades e entidades de conservação do patrimônio histórico são extremamente importantes em outros países. Destacam-se, nesse quesito, os Estados Unidos, onde as suas mais importantes universidades possuem fundos bilionários. A Universidade de Harvard, por exemplo, possui um fundo cujo patrimônio é estimado em US$ 37,6 bilhões. Outras universidades de primeira linha, como Stanford, Princeton e Yale, administram fundos com patrimônios estimados entre US$ 20 e 25 bilhões.”

           http://portal.mec.gov.br/component/tags/tag/fundos-patrimoniais

Além dos fundos patrimoniais ligados às universidades, como Harvard, Yale, Princeton e Stanford, outros exemplos conhecidos desse tipo de fundo, para promover a sustentabilidade econômica das organizações sem fins lucrativos, são a Fundação Ford, Fundação Rockefeller, Fundação Bill e Melinda Gates.

Desde que foi sancionada a Lei nº 13.800, de 4 de janeiro de 2019, que estabeleceu a regulamentação para a criação de fundos patrimoniais (endowments) no Brasil, algumas instituições como Unesp, Unicamp, PUC-RIO e Museu de Arte do Rio já deslancharam o processo para criar seus fundos patrimoniais nos últimos meses.

Fonte: https://www.idis.org.br/fundos-patrimoniais-desafios-e-beneficios-da-lei-13-80019/

Ficou interessado e quer saber mais? A PUC-Rio realizará um webinar voltado para universidades brasileiras com o objetivo de ajudar a entender e aproveitar a oportunidade dos endowments.

Posts Relacionados

Postar um comentário